Porcelanato: como escolher o ideal Decoração & Arquitetura | Dicas | 26.09.2019

Tendência há alguns anos, o porcelanato vem ganhando cada vez mais espaço nos lares

Nos últimos anos o uso do porcelanato vem ganhando cada vez mais espaço e destaque na arquitetura e no design de interiores. Isso porque o material é versátil, tem a durabilidade alta e também é de fácil manutenção. O custo benefício se mostrou excelente e a limpeza é fácil. Todos esses fatores tornaram o porcelanato o material favorito para aqueles que estão fazendo reformas ou construindo.

O porcelanato é um tipo de revestimento cerâmico constituído de argila, areia e alguns aditivos. Ele é prensado e levado a um forno para ser “cozido” a uma temperatura superior a 1.000°C, o que o confere alto grau de resistência e também baixíssima absorção de água. Os produtos com selo de qualidade da Associação Nacional dos Fabricantes de Cerâmica (ANFACER) são os mais recomendados, porque garantem que o produto foi produzido dentro dos moldes e atende as normas e requisitos de qualidade: resistência a flexão, gretamento, manchamento, ataque químico, abrasão etc.

Tipos de porcelanato

Técnico

Nestas peças o acabamento final é feito na própria massa do produto, ou seja, ele não recebe nenhum tipo de esmaltação. O acabamento pode ser polido ou acetinado.

Esmaltado

É o produto que recebe um esmalte sobre a massa principal, que nada mais é do que uma impressão sobre o produto, que fica com a estética mais desejada, podendo reproduzir pedras, madeiras e até mesmo cimento. Pode ser polido (quando a peça recebe um polimento que a confere alto brilho) e acetinado (quando o produto não recebe polimento, ficando com a aparência mais fosca e natural).

Bold

Bold é o tipo de borda da peça do porcelanato, neste caso, arredondada. O valor é mais acessível e o espaço entre as peças precisa ser maior ao serem assentadas. Ou seja, mais rejunte é necessário para fazer a aplicação e fixação no chão.

Retificado

São os produtos mais desejados, aqueles de borda reta e “pontuda”. Os produtos, quando prontos, passam por uma máquina de corte para se livrarem das pontas arredondadas, conferindo à peça um ângulo lateral de 90°. O valor é mais alto porque são revestimentos conhecidos pela elegância e sofisticação, já que não é necessário muito rejunte para dar o acabamento, então a sensação de amplitude é maior.

Escolhendo o porcelanato

Dica 1

Defina o tamanho da peça! Os porcelanatos são encontrados nos mais variados estilos e tamanhos nas lojas especializadas, e isso influencia (e muito!) na amplitude do espaço e na quantidade de peças a serem colocadas.

Dica 2

Verifique o PEI (resistência ao desgaste de superfície esmaltada). O número varia de 0 a 5, e quanto mais baixo menos indicado é o tráfego pela área que recebe o revestimento da peça. As peças de PEI 0, por exemplo, são recomendadas em paredes, porque sua resistência é desconsiderada. Já as de PEI 5 são indicadas para áreas públicas, como shoppings. Escolha a mais adequada para o cômodo que a receberá.

Dica 3

Para quem se preocupa muito com a limpeza do piso, o ideal é escolher um modelo de porcelanato mais manchado, os mais indicados são aqueles que imitam madeira, cimento e concreto, por causa também da cor mais escura.

Dica 4

Escolha um bom rejunte e um que se aproxime mais da cor do piso escolhido. Quando não houver o tom exato, o ideal é pegar o que foi um pouco mais claro, para não chamar tanta atenção e ficar mais natural.

Dica 5

Toda obra exige muita manutenção, então é sempre bom comprar de 15 a 20% a mais do produto e mantê-lo estocado caso alguma peça quebre. É sempre mais fácil achar o mesmo modelo quando se está comprando tudo de uma vez só.

 

Continue acompanhando o blog da CGL para mais dicas de decoração e construção!


Compartilhe:

Notice: Undefined offset: 0 in C:\Inetpub\vhosts\cgl.com.br\httpdocs\blog\wp-content\themes\cgl\single.php on line 52

Notice: Trying to get property of non-object in C:\Inetpub\vhosts\cgl.com.br\httpdocs\blog\wp-content\themes\cgl\single.php on line 52
[TheChamp-FB-Comments url="https://blog.cgl.com.br/porcelanato-como-escolher-o-ideal/"]